CausadoresEstou Causando

Amigos do Bem

Os Amigos do Bem atuam em diversas áreas a fim de promover uma transformação efetiva na vida de milhares de famílias do sertão nordestino.

Loading Likes...

Promovendo a transformação de milhares de Vidas

Desde 1993, há 26 anos, os Amigos do Bem atuam no sertão nordestino, o semiárido mais populoso do mundo.

Formado através de uma iniciativa de um grupo de 20 amigos liderados por Alcione Albanesi, que levava roupas, alimentos e ofereciam atendimento médico e odontológico, entre outras coisas às famílias do sertão.

O projeto foi crescendo, tornou-se um trabalho de transformação, com inúmeros projetos educacionais e autossustentáveis.

Hoje formam o maior grupo de voluntários ativos do país, transformando a vida de mais de 75 mil pessoas nos Estados de Alagoas, Ceará e Pernambuco.

“Nós acreditamos que a responsabilidade de transformar o Brasil é de cada um e a única forma de romper o ciclo de miséria é através da intervenção humana. Acreditamos que o voluntariado é a força motriz de transformação. Essa força aplicada com eficiência e, principalmente amor, resulta em ações concretas. Nosso lema é: Se não posso fazer tudo o que devo, devo ao menos fazer tudo o que posso”.

Os Amigos do Bem já provaram que a miséria tem solução. Com projetos nas áreas de educação, geração de renda, saúde e infraestrutura, conseguiram erradicar a pobreza na região mais carente do país.

Recebeu o selo Melhores ONG’s nos anos 2017 e 2018 consecutivamente.

Educação

Conscientes de que a educação é a base para o desenvolvimento humano, através de uma equipe com mais de 60 profissionais em uma infraestrutura de 3 mil m² de área construída em cada Centro, com salas de atividades, quadra poliesportiva, parque infantil, oferecem programas educacionais à crianças e jovens das comunidades atendidas, potencializando as habilidades de cada um, promovendo a inclusão social para o exercício da cidadania.

Os programas beneficiam mais de 1.500 alunos do ensino regular que vivem em regiões de extrema vulnerabilidade. São mais de 3.500 mil refeições diárias, além de transporte e equipamentos.

Em parceria com instituições de ensino superior, oferecem bolsas de estudo para centenas de jovens que vivem sem perspectiva.

Disponibilizam também Cursos Profissionalizantes de culinária, informática, cabelereiro e manicure.

Centros de Transformação

Completa infraestrutura, com biblioteca e sala de jogos, promovem atividades extracurriculares, como dança, música, capoeira, teatro,  e cursos profissionalizantes, além de reforço escolar quando necessário, desenvolvendo o potencial de mais de 10 mil crianças e jovens, entre os quais, muitos ainda moram em casas de taipas em povoados isolados.

“Criamos oportunidades e desenvolvemos agentes multiplicadores, cidadãos capazes de transformar o seu entorno”, comenta Alcione

Nas Cidades do Bem, construídas nos estados de Pernambuco, Alagoas e Ceará, com mais de 33 mil m² de edificações, as famílias beneficiadas são acompanhadas de perto. Para promover a formação cidadã e a inclusão social, todos os meses voluntários viajam para o sertão, para realizar visitas domiciliares e ministrar palestras de desenvolvimento humano.

Trabalho

Projetos que visam a autosustentabilidade atendem o sertão de acordo com o potencial de cada localidade. Além de frentes de trabalho, geram diversos empregos para funções locais, promovendo a contratação de profissionais nas áreas administrativas, educacional e de serviços em geral.

Disponibilizam também Cursos Profissionalizantes de culinária, informática, cabelereiro e manicure.

Visando promover a transformação e a geração de renda, mulheres e jovens desenvolvem o artesanato e as famílias das Cidades do Bem produzem doces, mel e pimenta. A plantação de caju, escolhida por ser de fácil desenvolvimento em regiões secas e a Fábrica de Beneficiamento de castanha representam a esperança de uma vida nova. São 680 hectares, nos estados de Pernambuco e Ceará. A equipe de campo recebe capacitação e acompanhamento regulares de profissionais da Embrapa, garantindo assim o cultivo adequado.

Implantado nos povoados de Torrões (AL) e Agrovila (CE), as oficinas de costura geram trabalho e uma nova alternativa de renda para mulheres e jovens atendidas na região.

Saúde

No sertão nordestino, milhares de pessoas em extremo risco social, enfrentam difíceis condições, como a falta de água, alimento e saneamento básico. A população vive em localidades distantes e de difícil acesso aos centros de saúde, que muitas vezes não dispõem de profissionais e medicamentos. Para amenizar essa situação, mensalmente médicos e dentistas voluntários realizam este atendimento de assistência médica básica e ambulatorial às famílias cadastradas no sistema do Cartão do Bem Saúde. Problemas de visão são recorrentes nas comunidades atendidas, por isso oftalmologistas voluntários oferecem atendimento e acompanhamento óptico, além de doação de lentes corretivas e óculos de grau, proporcionando saúde e melhor qualidade de vida à população beneficiada.

Produtos do Bem

Produtos 100% solidários, feitos pelas famílias atendidas pelos Amigos do Bem. Toda a renda é revertida para os projetos educacionais e de transformação de vidas no sertão nordestino.

Linha de Produtos

  • Linha Castanha
  • Linha Doces
  • Linha Pimenta
  • Linha Artesanato
  • Linha Costura – Ecobag de Patchwork
  • Kits Corporativos

São disponibilizados no Empório dos Amigos do Bem, na Vila Diva, zona oeste de São Paulo; Pontos de Venda montados somente em datas que ocorrem as arrecadações de alimentos, como os Supermercados Extra, Carrefour e Leroy Merlin, além das vendas regulares em diversas redes de supermercados.Existem diversas formas de ajudar a ONG Amigos do Bem, através:

  • doações como colaborador mensal
  • voluntário
  • arrecadação e distribuição de alimentos
  • empresa amiga, como responsabilidade social

Maiores informações, acesse o site: https://www.amigosdobem.org/

“Quando olhamos para o futuro, imaginamos este modelo de transformação replicado em diversas regiões do Brasil e do mundo, para que a fome e a miséria sejam apenas lembradas como fatos históricos”.

Parabéns a Causadora Alcione Albanesi e toda a equipe Amigos do Bem

Foto: Divulgação site

 

Ana Sodré

Sentir-se bem em fazer o bem… Sou antes de tudo um ser humano que ama a vida e estou sempre em busca de um mundo melhor. Atuei nos últimos 30 anos como empresária e editora, destacando três grandes publicações, a Revista Médico Repórter e o Jornal Hipócrates, atingindo a classe médica. E, por 2 anos a Revista Aimè, voltada para o público gay masculino, com venda em banca no âmbito nacional, sendo também distribuída na Argentina e em Portugal. A repercussão foi muito positiva, do qual recebi um prêmio Mulher Excelência 2009 - CIESP. Ao receber o convite para ser parte do Instituto - “Eu Causo”, foi como um raio de sol iluminando o meu horizonte… Envolvida na saúde, ao longo destes anos me deparei com diversas situações, oras boas, outras nem tanto, porém algo sempre me chamou a atenção, a fragilidade do Ser Humano. Pude perceber de perto, o quanto estamos vulneráveis mediante uma doença, quer seja em causa própria, ou de alguém da família, um amigo... Com base nessa premissa, agarro este projeto com o mesmo propósito: contribuir, através da informação, para um melhor estar! Estarei comprometida a identificar os avanços da medicina em prol da saúde, em responder as demandas da população; e vendo como as pessoas se conectam mais, me engajarei para que cada um de vocês utilize este portal, na certeza que irão encontrar um espaço acolhedor e aglutinador, para que juntos, possamos alcançar um estado de felicidade. Eu escolhi cuidar! … Eu causo!… E você?

Artigos relacionados

Veja Também

Fechar